Associação médica proíbe chamar grávidas de “mães” para respeitar transexuais? Verdade Ou Mentira?

Será verdadeira a notícia afirmando que a Associação Médica Britânica emitiu um manual proibindo os médicos de chamarem as grávidas de “mães” pra respeitar os transexuais?

A reportagem apareceu em vários sites e blogs no final de janeiro de 2017 e ganhou força novamente na segunda quinzena de maio do mesmo ano. De acordo com o texto, a Associação Médica Britânica teria emitido um guia exigindo que os médicos utilizem “linguagem inclusiva”, evitando se utilizar o termo “mãe expectante” para se referir a uma grávida e substituindo-o por “pessoa grávida”! A mudança estaria sendo feita para respeitar transexuais.

Dentre outras recomendações, o guia também recomenda evitar o uso de termos como “nascido homem” e “nascido mulher”, uma vez que esses termos “são redutivos e simplificam algo complexo”.

De acordo com o documento, diz a postagem que foi bastante compartilhada nas redes sociais, “a escolha dos termos apropriados é uma importante contribuição para celebrar a diversidade”.

Será que essa história é real?

Verdade ou Mentira?
No mês de janeiro de 2017, a British Medical Association (BMA) publicou um guia de 14 páginas com alguns procedimentos que, segundo eles, serviriam para diminuir a desigualdade entre as minorias e melhorar a integração entre as diferenças.

No entanto, diferente do que estão espalhando por aí, o guia não foi dirigido para todos os médicos britânicos (tampouco, para médicos de outros países). Em entrevista aos jornais, um porta-voz da BMA disse que:

“Este guia é destinado apenas à equipe da BMA e representantes com o objetivo de promover um local de trabalho inclusivo na BMA. […] Não se trata de nenhuma orientação para os médicos tratarem ou não seus pacientes.”

Ou seja, o guia (que nem está mais disponível), era apenas uma sugestão de como os funcionários da própria associação poderiam se portar no horário de trabalho.

Além disso, a British Medical Association não tem poderes para regular ou certificar médicos no Reino Unido, pois ela é um “apenas” um sindicato que oferece proteções para médicos britânicos.

Conclusão:
Uma associação de médicos britânica criou um guia com sugestões de como seus funcionários podem se portar na empresa em relação ao gênero e alguém espalhou a notícia de que isso era uma ordem que deverá ser cumprida por todos os médicos!

Globo erra e diz que a JBS gravou Temer dando anal? Verdade Ou Mentira?

Imagem flagra erro grave em matéria apresentada pela Globo News ao vivo! Será verdade que a Globo escreveu que “Temer deu anal”?

A foto apareceu nas redes sociais no dia 18 de maio de 2017, em meio a inúmeras notícias a respeito da delação premiada feita por um dos donos da JBS, envolvendo o Presidente da República Michel Temer.

O que chama a atenção no flagrante é que uma notícia veiculada ao vivo no canal de TV Globo News teria ido ao ar com um erro grave na manchete:

Ao invés de “dando aval“, a notícia estaria afirmando que o presidente estaria “dando anal”!

Será que essa imagem que está sendo bastante compartilhada é verdadeira ou falsa?


Verdade ou Mentira?
Como você já deve ter imaginado, a imagem é uma montagem! Tudo não passou de mais uma das inúmeras brincadeiras que giram em torno dessa bagunça em que se encontra o Governo…

Perceba que a letra “N” (tanto a letra maior, no topo, quanto a menor, no rodapé) está com uma cor de fundo diferente das demais.

A imagem abaixo não é a original, mas é de um frame da mesma matéria:

 

Conclusão
A imagem que mostra um erro na manchete da Globo News, transformando “aval” em “anal” é uma montagem engraçadinha!

Esposa de Aécio Neves gravou vídeo xingando os brasileiros? Verdade Ou Mentira?

Será que a mulher loira que aparece em um vídeo xingando os brasileiros e afirmando que está se mudando para Orlando é a esposa do senador Aécio Neves?

O vídeo apareceu no dia 18 de maio de 2017, pouco tempo após a divulgação da delação premiada de um dos donos da JBS na operação Lava Jato.

Nele podemos ver uma mulher exaltada, xingando os brasileiros que teriam votado em Dilma Rousseff para presidente, e afirmando que estaria se mudando para Orlando – na Flórida (USA).

O texto que acompanha o vídeo afirma que a loira seria a esposa do senador Aécio Neves (citado na delação de um dos donos da JBS), a gaúcha Letícia Weber.

Em apenas uma das publicações feitas no Facebook, o vídeo já havia alcançado mais de 11 milhões de visualizações, se tornando um dos assuntos mais comentados nas redes sociais e mais buscados no Google.
Será que a mulher do vídeo é a esposa de Aécio Neves?


Será que é ela?

Uma rápida busca através do Google Images e já podemos notar que a loira do vídeo não se parece muito com a esposa do senador, como podemos ver abaixo:

A mulher do vídeo é a jornalista Deborah Albuquerque Chlaem, que – no dia seguinte – postou um segundo vídeo onde confirma a autoria da gravação anterior:
Em entrevista ao Último Segundo, do portal IG, Deborah diz não ter se arrependido do vídeo que fez e que aquilo foi um desabafo contra a vitória de Dilma Rousseff nas urnas!

Conclusão
A mulher que aparece xingando os brasileiros em vídeo não é a esposa do senador Aécio Neves! Na verdade, a loira é uma jornalista que gravou o vídeo em 2014.

Mulher viajou para apoiar Lula, perdeu o emprego e pede doações para voltar? Verdade Ou Mentira?

A notícia apareceu em diversos sites e blogs no dia 12 de maio de 2017 e se espalhou através de diversas postagens nas redes sociais. Em algumas postagens – como essa, por exemplo – o assunto rendeu mais de 2 mil curtidas, além de milhares de compartilhamentos.

De acordo com o texto, uma fã do PT teria viajado 60 horas da Bahia até o Paraná para apoiar o ex-presidente Lula, no dia 10 de maio de 2016, e acabou ficando desempregada, sem dinheiro para pagar a passagem de volta e ainda teve que vender uma moto para arcar com as despesas da ida.

Nena, a mulher da notícia, tem 48 anos de idade (segundo o que diz na reportagem) e teria dito aos repórteres que se conseguisse arrecadar dinheiro para voltar para casa, iria ficar muito feliz e talvez ainda faça uma nova tatuagem com o nome de Lula!

 

Será verdade que uma mulher viajou 60 horas para apoiar Lula durante seu depoimento, mas perdeu o emprego e agora pede doações para voltar para casa?

A notícia apareceu em diversos sites e blogs no dia 12 de maio de 2017 e se espalhou através de diversas postagens nas redes sociais. Em algumas postagens – como essa, por exemplo – o assunto rendeu mais de 2 mil curtidas, além de milhares de compartilhamentos.

De acordo com o texto, uma fã do PT teria viajado 60 horas da Bahia até o Paraná para apoiar o ex-presidente Lula, no dia 10 de maio de 2016, e acabou ficando desempregada, sem dinheiro para pagar a passagem de volta e ainda teve que vender uma moto para arcar com as despesas da ida.

Nena, a mulher da notícia, tem 48 anos de idade (segundo o que diz na reportagem) e teria dito aos repórteres que se conseguisse arrecadar dinheiro para voltar para casa, iria ficar muito feliz e talvez ainda faça uma nova tatuagem com o nome de Lula!

Junto com a matéria, uma foto mostra uma moça vestindo uma camiseta vermelha.

Será que essa notícia é real?


Verdade ou Mentira?
A “reportagem” é confusa e cheia de erros de digitação. Além disso, só aparece em sites e blogs “da zoeira”… Claramente se trata de uma brincadeira…

A moça que aparece na foto que ilustra essa notícia não se chama Nena e tampouco “Patrícia” (é que, no meio da notícia, o nome da mulher muda para “Patrícia”). Podemos ver que ela não aparenta ter 48 anos e uma busca na web revela que quem inventou essa história usou uma fotografia de um protesto contra o afastamento da então presidente Dilma Rousseff, em maio de 2016! Na ocasião, 28 mulheres se acorrentaram às grades de contenção instaladas no Palácio do Planalto, em Brasília.

A mulher que aparece na fotografia se chama Juliana de Souza e não viajou da Bahia até o Paraná! Ela foi uma da militantes que se acorrentaram, durante o protesto, em 2016.

Conclusão
A notícia de uma mulher que teria viajado 60 horas para apoiar Lula e estaria sem emprego e sem dinheiro para voltar para casa é falsa!

Um pastor foi comido por crocodilos ao tentar imitar Jesus? Verdade Ou mentira?

A notícia surgiu em diversos sites e blogs aqui no Brasil no dia 14 de maio de 2017 e rapidamente se espalhou através das redes sociais, indo parar no nosso grupo fechado no Facebook.

De acordo com o texto, o pastor evangélico Jonathan Mthethwa acabou sendo devorado por três crocodilos, enquanto tentava imitar Jesus andando sobre a água de um rio no Zimbábue!

A tragédia teria ocorrido no mês de março, mas somente em maio é que foi noticiado por sites de vários países. Segundo o artigo, Mthethwa teria ignorado que o fato de que o Rio Mpumalanga costuma estar infestado de crocodilos e resolveu atravesa-lo…

Segundo testemunhas, só restaram as sandálias e pedaços da roupa íntima do pastor.

Será que essa notícia é Verdadeira?


Verdade ou Mentira?
É curioso ver como um boato tem a incrível habilidade de se recriar e ressurgir novamente com uma cara nova. Em agosto de 2016, publicamos aqui no E-farsas a verdade a respeito de uma notícia falsa de um pastor sul-africano que teria morrido após jejuar por 40 dias (imitando os passos de Jesus). O texto do hoax era bastante parecido com outro boato que desmentimos um ano antes, de um pastor que teria morrido no deserto após tentar jejuar…

Notícia parecida já havia sido desmentida por nós em 2014, quando espalharam na web que um pastor africano havia morrido afogado após tentar caminhar sobre as águas (como Jesus teria feito) .

Parece que a imaginação dos criadores de boatos não está mais tão fértil, não é?

Acontece que (dessa vez) tudo começou com uma postagem feita no site de um jornal nigeriano chamado Daily Post, no dia 13 de maio de 2017, afirmando que um pastor identificado como Jonathan Mthethwa, da Igreja dos Santos Últimos Dias, queria demonstrar que era capaz de imitar um dos feitos de Jesus narrados na bíblia, tentando caminhar sobre as águas em um rio conhecido como Crocodile River.

Apesar de não citar fontes, o artigo do Daily Post virou referência para outros sites, que somente copiaram e colaram o mesmo texto que, aliás, é também apenas uma cópia descarada de outras publicações mais antigas – como essa, do National News Bulletin, de fevereiro de 2017 ou essa, de 2016, do Edaily.

Até mesmo o “erro geográfico” publicado pelo National News foi copiado (o Crocodile River – ou o Mpumalanga – não fica no Zimbábue, mas na África do Sul).
Uma busca pelo nome do pastor não nos retorna nada além de textos semelhantes a esse. É como se o pastor nunca tivesse feito nada antes de tentar imitar Jesus…

Além disso, os criadores desse boato usaram um nome bem genérico para a igreja onde a morte teria acontecido, dificultando as investigações. Outra questão importante é que não há nenhum outro detalhe que ajude a provar a veracidade da história:

Onde o fato teria ocorrido?
Quais os nomes das testemunhas?
Não há nenhuma foto da tragédia?
Ninguém filmou o culto?
Nenhum jornal local noticiou o fato?
Conclusão
Essa notícia é falsa! Trata-se de uma nova versão de outros boatos já desmentidos aqui e não tem nenhuma prova de que tenha acontecido de verdade!

Posted in Um Pastor Foi Comido Por Crocodilos? at maio 17th, 2017. No Comments.

Juiz decreta prisão de Idosa que reagiu e matou assaltante! Verdade Ou Mentira?

Será verdadeira a notícia do juiz que teria decretado a prisão de uma idosa por ela ter reagido a um assalto e matado o assaltante menor?

A notícia ganhou força na segunda quinzena de abril de 2017 e rapidamente se espalhou através de vários sites e blogs policiais. De acordo com o texto, uma senhora de 87 anos de idade estaria presa no Distrito Policial de Barrinha (SP) sob as acusações de homicídio e posse ilegal de arma!

A senhora, que teria afirmado em entrevista que já havia sido assaltada outras 15 vezes por esse bandido, teria matado o assaltante menor de idade Márcio Nadal Machado, ao se defender do assalto. O menor teria sido morto com três tiros pela aposentada depois dele ter invadido o apartamento dela.
Juntamente com a notícia, podemos ver fotos da idosa no momento da prisão e do garoto caído no chão, já sem vida!

Será que essa notícia é Verdade ou Mentira?


Verdade ou Mentira?
A notícia apareceu em diversos blogs pequenos, especializados em disseminar notícias não verificadas, como o Sobral 24 horas. Rapidamente, outros sites e blogs começam a replicar a história, sem a mínima preocupação da veracidade do que está sendo publicado.

Assim nascem os boatos…

O primeiro detalhe que chama atenção nessa “reportagem” é que o nome da senhora não é citado nenhuma vez. Falam o nome do assaltante, o nome do delegado, mas não falam nenhuma vez o nome da detenta.

Além disso, o assaltante é tratado como “menor de idade” no começo da matéria, mas logo em seguida é afirmado que ele tinha 33 anos de idade quando foi morto. O curioso é que o texto apresenta o mesmo teor (é quase igual) a outra notícia de dezembro de 2016, só que – na ocasião – quem havia reagido ao assalto era um senhor e não uma mulher. Alguém pegou o mesmo texto e fez uma adaptação. Uma busca pelo nome do bandido, nos remete a uma notícia de 2013, quando o Ministério Público de Caxias do Sul (RS) arquivou o inquérito policial da morte de Márcio Nadal Machado, o Cachorrão, ocorrida em 9 de junho de 2012. De acordo com o inquérito, a aposentada Odete Hoffmann Prá, de 88 anos de idade, admitiu ter matado a vítima após a invasão de seu apartamento.

A idosa foi inocentada pois, segundo a promotoria, ela atuou em legítima defesa.

Ou seja, mesmo se fosse o mesmo caso, a senhora não foi presa!

Outro detalhe (triste) é que a dona Odete Hoffmann Prá acabou falecendo em um incêndio, alguns meses depois!
As fotos do crime
Se essa notícia é falsa, quem é a senhora que aparece na foto que ilustra essa “reportagem”?

A idosa mostrada na foto é a senhora Otacília Ferreira de Medeiros, de 66 anos de idade, que foi presa em junho de 2016 em Elesbão Veloso (PI). Conhecida como a “Tia do tráfico”, a dona Otacília foi presa em flagrante com 16 papelotes de crack e dois de maconha, além de dinheiro.

A imagem do homem caído no chão é de um bandido que foi baleado durante uma tentativa de assalto, em Nova Iguaçu (RJ). O crime aconteceu em agosto de 2015 e nada tem a ver com o fato dessa e-farsa!

Já a imagem que mostra um carro de polícia é de uma operação que a PM fez no Guarujá, em 2014. Naquele local, um turista havia sido baleado durante um assalto.

Conclusão
A notícia da idosa que teria sido presa por agir em legítima defesa e ter matado um menor de idade (de 33 anos) é falsa!

Pastor constrói igreja em forma de baleia azul! Será Verdade ou Mentira?

Será verdadeira a notícia de um pastor evangélico que teria construído uma igreja em forma de baleia azul? Será que ele fez isso por causa do desafio da Baleia Azul?

A notícia apareceu nas redes sociais na segunda quinzena de abril de 2017 e rapidamente se espalhou em diversos sites e blogs: Um pastor evangélico teria mandado construir uma igreja em forma de baleia azul inspirado pelo jogo do desafio da Baleia Azul que tomou conta da web em 2017.

De acordo com o texto, o pastor Adalto Setembrino de Oliveira teria mandado erguer a igreja em uma cidade de Minas Gerais, mas será que isso é verdade mesmo?

Será que o pastor teria se inspirado no jogo da baleia azul?


Verdade ou mentira?
A construção inusitada existe, sim! No entanto, essa igreja nada tem a ver com o tal desafio da Baleia Azul!


Na verdade, o pastor Adalto Setembrino de Oliveira teve a ideia de construir a igreja com o formato curioso há mais de 40 anos, em um sonho. Uma postagem feita em 2011 no site UAI (que já não está mais online, mas pode ser lida nesse outro site) explica que a igreja evangélica Casa de Oração para Todos os Povos fica em Belo Horizonte (MG) e começou a ser construída em 1995 (mais de 20 anos antes do rumor do desafio da Baleia Azul).
Com 35 metros de comprimento e 10 de largura, a construção de três andares pode ser visto através do Google Street View e é uma alusão a Jonas, que, de acordo com o Velho Testamento, ficou por três dias e três noites dentro de uma baleia:
Conclusão
Existe mesmo uma igreja em forma de baleia em um bairro de Belo Horizonte (MG). A ideia nasceu de um sonho que um pastor teve 40 anos atrás e começou a ser construída em 1995.

Edir Macedo toma banho em banheira de ouro pra falar com Deus? Verdade Ou Mentira?

Será que a fotografia que mostra o bispo Edir Macedo deitado em uma banheira de ouro puro é verdadeira ou falsa? Descubra aqui no E-farsas:

A foto não é nova, mas voltou a ser compartilhada com força nas redes sociais – sobretudo, no Facebook e no WhatsApp – no final de outubro de 2016 e mostra o fundador da Igreja Universal do Reino de Deus, Edir Macedo, deitado em uma banheira de ouro maciço!

O texto que acompanha a imagem afirma que essa banheira luxuosa e caríssima seria de propriedade do bispo e que ele afirma falar com Deus ao se deitar nela.

Será que essa história é verdadeira ou falsa?


Verdade ou Mentira?
Apesar dessa notícia surgir em outubro de 2016, ela circula pela web desde março de 2015 e usa uma foto de 2006.
A fotografia real mostra uma banheira que custa quase um milhão de dólares e é feita mesmo de ouro. O diretor do Grupo de Tecnologia do Ouro Hang Fund, S.W. Lam, investiu cerca de U$ 38,5 milhões de dólares para banhar com toneladas de ouro toda a sua loja de joias, que fica em em Hong Kong, na China.

A ideia foi a de atrair mais clientes e chamar a atenção de mais pessoas para sua loja.
Abaixo, podemos ver a foto original:


Conclusão
A foto mostrando o bispo Edir Macedo deitado em uma banheira de ouro é uma montagem que circula desde 2015 e foi feita em cima de uma foto de 2006.

Lançamento da Barbie Iemanjá choca os cristãos! Será? Verdade Ou Mentira?

Será verdade que a Mattel irá lançar a boneca Barbie com temas ligados ao Candomblé, macumba para homenagear religiões e crenças afrodescendentes?

O alerta, seguido de fotos, começou a se espalhar através das redes sociais – sobretudo, pelo WhatsApp – na segunda semana de abril de 2017 e chama a atenção para o lançamento da boneca mais famosa do mundo nas versões Iemanjá, Virgem Maria, Ogum, Oxum…

No texto do alerta é solicitado a todos os cristãos que não comprem tais bonecas demoníacas, que já estariam à venda nas lojas!

Será que essa notícia é real?

Verdade ou Mentira?
Em 2013, explicamos a verdade por trás de um rumor que afirmava que a fabricante da Barbie iria lançar versões transexuais de suas bonecas. Na época, explicamos que as fotos que se espalharam do brinquedo eram, na verdade, parte de uma exposição feita pelos artistas plásticos colombianos Andrea Cano e Manuel Antonio Velandia.

As bonecas não estavam à venda e as obras foram feitas para exposição “Invisíveis: Naturezas Transgressoras”, promovida pela associação dos direitos GLSBT Decide-T.

Agora, em 2017, o assunto volta a “incomodar” alguns grupos religiosos, que tentam conseguir mais fiéis através da mentira e do medo!
Só que dessa vez as bonecas fazem parte de outra exposição: Pool&Marianela (A Religião Plástica), criada em 2014 pelos artistas argentinos Emiliano Pool Paolini e Marianela Pirelli.

Nesse link podemos ver outras bonecas transformadas pela dupla!

A Barbie Iemanjá é uma das 33 bonecas modificadas (“reinterpretados”) da exposição. Junto com ela, um boneco crucificado como Jesus Cristo, uma Barbie de Virgem Maria, além de um Ken São Jorge em um cavalo rosa:


Os artistas também criaram uma Barbie Kali, deusa do hinduísmo:

Conclusão:
A notícia afirmando que a Barbie estaria à venda nas lojas com temas ligados ao Candomblé é falsa! As bonecas foram transformadas por dois artistas argentinos em 2014 para um exposição de arte!

Homossexuais terão cotas em concursos públicos? Verdade Ou Mentira?

Será verdade que um deputado da Bahia criou um Projeto de Lei que estabelece uma cota de 15% dos concursos públicos federais para homossexuais e transexuais?

A notícia apareceu com força no final da primeira semana de abril de 2017 no Facebook e foi um dos assuntos mais compartilhados naquela rede sociais no dia 09. De acordo com o texto da reportagem, o deputado Marquinhos Freire, teria conseguido colocar em pauta de votação o Projeto de Lei estabelece cota de 15% das vagas dos concursos públicos federais para homossexuais e transexuais.

A reportagem ainda afirma que os bissexuais continuam na luta pelo benefício mas ainda não foram contemplados no texto base do projeto. O Projeto de Lei, segundo o artigo, seguirá para votação em abril e já conta com o apoio de 254 deputados federais. A Federação Brasileira dos Bissexuais estaria exigindo que a lei abrace também os bissexuais, que seriam vítimas de preconceito dobrado!

Será que essa notícia é Verdade ou Mentira?


Verdade ou Mentira?
Apesar dessa história se tornar viral em abril de 2017, ela não é tão recente e possui várias características de um boato digital:

Citar nomes de pessoas que não existem;
Usa nomes de instituições para dar mais credibilidade ao assunto;
Não é datada;
Trata de um assunto que atrai muitos leitores;
Não cita fontes;
Em primeiro lugar, uma simples busca pelo deputado Marquinhos Freire no site da Câmara dos Deputados nos mostra que não há nenhum deputado com esse nome!

Além disso, não há nenhum Projeto de Lei com esse tema. Se quem espalhou essa notícia tivesse mostrado o número do PL seria mais fácil da gente achar, né?

Origens:
O site que se encarregou de espalhar essa farsa foi o já conhecido, o Folha Brasil!
Como já mostramos aqui diversas vezes, o Folha Brasil publica inúmeras notícias falsas e/ou não verificadas e, mesmo assim, continua espalhando material que é copiado por diversos outros sites e blogs (que também não verificam as notícias antes de postar).

Como já dissemos lá em cima, essa notícia não é nova! O Folha Brasil não inventou isso, mas copiou um texto de janeiro de 2016 do site humorístico ENFU. Se você analisar o artigo do ENFU, vai perceber que o Folha Brasil apenas copiou o post humorístico e “esqueceu” de avisar que se trata de uma brincadeira…

Conclusão:
A notícia afirmando que um Projeto de Lei prevê cotas de 15% para homossexuais em concursos federais é falsa! Surgiu em um site humorísticos em 2016 e voltou a circular graças a publicações em sites que vivem de publicar notícias falsas!