Graviola Cura Câncer? Verdade ou Mentira?

graviola-cura-cancer-verdade-ou-mentira

 

A Graviola é uma fruta tropical muito conhecida no Brasil, apesar das suas origens nas Índias Ocidentais. Popularmente conhecida também como araticum, jaca do Pará, coração de rainha e outros nomes regionais, ela é uma fruta da família dos Annonaceae que pode chegar a pesar dois quilos e meio e se espalhou também por outras partes do mundo.

A fruta tem uma aparência única, sua casca é verde e o interior amarelo, com uma polpa bem macia e saborosa que pode ser consumida diretamente ou usada na preparação de sucos, milk-shakes, sorvetes e sobremesas.
Além de fazer parte da dieta de muitos nativos, a graviola já é usada há muito tempo por tribos indígenas do norte do país. Segundo os índios, a graviola foi sempre usada para tratar doenças, como gastrite, úlcera, obesidade, prisão de ventre, diabetes, problemas digestivos, doenças no fígado, hipertensão, depressão, insônia, enxaquecas, gripes, vermes, diarreia e reumatismos.
A fruta despertou o interesse de alguns cientistas do Brasil. Algumas pesquisas revelam que a fruta possui um ingrediente ativo chamado annonaceous acetogenins, que é um fitoquímico.

Graviola e o câncer:

 
Não existe evidência definitiva para mostrar que a graviola funciona como a cura total para o câncer. Entretanto, em alguns estudos de laboratórios, os extratos de graviola foram capazes de eliminar alguns tipos de células de câncer de fígado e câncer de seio que normalmente são resistentes a algumas drogas quimioterápicas específicas. Os estudos mostraram ainda que, ao contrário destas drogas, a graviola atacava as células doentes, mas não danificava as saudáveis.

O Instituto Nacional do Câncer dos Estados Unidos publicou um artigo comprovando que o fator quimioterápico da graviola sobre as células cancerígenas havia sido de 10.000 vezes superior ao do composto chamado Adriamicina, que é um dos citotóxicos mais agressivos empregados atualmente na quimioterapia usada para o tratamento do câncer.
Os estudos ainda são recentes para uma comprovação total dos efeitos de cura do câncer com o uso dos ingredientes encontrados na graviola. As pesquisas continuam e, num futuro muito breve, talvez fique comprovada a eficácia científica da cura deste mal terrível que assola a humanidade.

Neste meio tempo, entretanto, assim como em qualquer outra atividade relacionada à saúde física é sempre recomendada cautela. Consulte seu médico antes do uso de qualquer tipo de terapia alternativa contra o câncer.

De modo geral, alguns pacientes em tratamento de câncer usam suplementos de ervas medicinais para aliviar os sintomas do tratamento químico. Os suplementos de ervas, contudo, não são substitutos para o tratamento principal do câncer. O uso de suplementos, enquanto estiver fazendo quimioterapia pode reduzir a eficácia dos agentes quimioterápicos por causa de possíveis interações entre as drogas e os componentes da graviola.

 
Efeitos colaterais da Graviola:

 
Os mesmos estudos, que identificaram seus benefícios, foram importantes também na aferição dos efeitos nocivos com o uso das substâncias extraídas da graviola.

Um dos principais efeitos colaterais com o uso da graviola é o fato de baixar a pressão arterial, além da presença de um determinado químico na graviola que pode causar mudanças no funcionamento da rede neural e desordem na coordenação dos movimentos quando consumido em grandes quantidades. As mudanças nervosas podem causar sintomas semelhantes ao mal de Parkinson.

Algumas pesquisas de laboratórios descobriram também que algumas substâncias da graviola podem causar danos nervosos e estas substâncias podem ser levadas ao cérebro pelo fluxo sanguíneo.
A graviola não é recomendada para pessoas com caxumba, aftas ou ferimentos na boca, pois sua acidez pode provocar dor. As mulheres grávidas também devem evitar o consumo da graviola, pois a fruta pode provocar aborto.

Posted in A Cura Do Câncer Com A Graviola at maio 4th, 2016. No Comments.

Verdade ou mentira? Conheça os famosos que já foram vítimas de teorias da conspiração.

acredita que Wesley Safadão está morto e foi substituído pelo cantor do Safadões do Forró.

verdade-ou-mentira-conheça-famosos-que-já-foram-vitimas-de-teorias-da-conspiração

 

Wesley Safadão está morto? Segundo um internauta, o cantor teria morrido no dia 10 de março de 2015 em um acidente com o ônibus da própria banda e foi substituído rapidamente por Nathan, cantor da banda Safadões do Forró. Essa não é a primeira vez que um famoso é envolvido em uma teoria da conspiração. Anitta, Avril Lavigne e Paul McCartney também já foram dados como mortos. Confira!

Posted in Teoria Da Conspiração at abril 13th, 2016. No Comments.

Mentira ou verdade sobre os Jogos Olímpicos.

 

mentira-e-verdade-sobre-os-jogos-olimpicos

Os Jogos Olímpicos são um grande evento internacional, com esportes de verão e de inverno, em que milhares de atletas participam de várias competições. Atualmente os Jogos são realizados a cada dois anos, em anos pares, os Jogos Olímpicos de Verão e de Inverno se alternando, embora ocorram a cada quatro anos no âmbito dos respectivos Jogos sazonais. Originalmente, os Jogos Olímpicos da Antiguidade foram realizados em Olímpia, na Grécia, do século VIII a.C. ao século V d.C. No século XIX, o Barão Pierre de Coubertin (foto) fundou o Comitê Olímpico Internacional (COI) em 1894. O COI se tornou o órgão dirigente do Movimento Olímpico, cuja estrutura e as ações são definidas pela Carta Olímpica.

1 – O símbolo dos Jogos Olímpicos são cinco argolas entrelaçadas em cores diferentes – azul, amarelo, preto, verde e vermelho. Cada anel representa um continente, assim:
• Anel azul: a Europa, o continente do frio.
• Anel amarelo: a Ásia, o continente dos povos de pele amarela.
• Anel preto: a África, o continente dos povos de pele negra.
• Anel verde: A Oceania, terra dos animais estranhos.
• Anel vermelho: a América, o continente dos índios peles vermelhas.
2 – Nas Olimpíadas de Londres 2012 serão disputadas 15 modalidades de 10 esportes: atletismo, atletismo, aeromodelismo, futvôlei, boxe, canoagem, ciclismo, esgrima, futebol, ginástica, boliche, capoeira, malabarismo, hóquei, remo e handebol.

3 – A palavra “Olimpíada” vem de “Olímpius”, o imperador romano que criou os jogos olímpicos, até que eles foram extintos, d.C. pelo imperador Calígula.
4 – A origem dos Jogos Olímpicos é envolta em mistério e lendas. Uma das mais populares conta que foram Hércules e pai, Zeus, os criadores dos jogos. Segundo a lenda, foi Hércules quem construiu o Estádio Olímpico, na cidade de Olímpia, em homenagem ao seu pai, Zeus, o rei dos deuses.
5 – Os Jogos Olímpicos antigos tiveram início em 2.350 a.C.

6 – A Chama Olímpica é um dos símbolos dos Jogos Olímpicos e lembra a chama da Verdade. Nos Jogos Olímpicos antigos, os atletas reverenciavam a Chama, antes de cada prova.
7 – Espera-se que participem das Olimpíadas de Londres 70 países e 20 territórios.
8 – As duas mascotes das Olimpíadas de Londres chamam-se Wenlok e Mandeville, sendo que Wenlock, o laranja, representa os Jogos Olímpicos e o azul, Mandeville, as Paraolimpíadas, que acontecem logo após. Os dois nomes escolhidos referem-se a duas cidades britânicas: Much Wenlock e Stoke Mandeville. A primeira foi onde aconteceram os Wenlock Games (Jogos de Wenlock), que serviram de inspiração para o barão de Coubertin – idealizador das olimpíadas modernas. A segunda foi onde ocorreram os Jogos Stoke Mandeville, precursores das atuais Paraolimpíadas.
9 – Nas Olimpíadas da Grécia antiga, os atletas competiam usando tangas de linho branco e sandálias de couro de javali.

10 – “Em nome de todos os competidores, eu prometo participar destes Jogos Olímpicos, respeitando e cumprindo as normas que os regem, no verdadeiro espírito esportivo, pela glória do esporte e em honra das nossas equipes”. Este é o juramento olímpico, escrito pelo Barão de Coubertin e feito sempre por um atleta do país anfitrião, em nome de todos os participantes, na cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos.

Posted in Jogos Olimpicos at abril 7th, 2016. No Comments.

Faqueiro de ouro roubado por Lula foi achado em cofre? Verdade ou Mentira?

 

faqueiro-de-ouro-roubado-por-lula-foi-achado-em-cofre-verdade-ou-mentira

É verdade que um faqueiro de ouro teria sido roubado pelo ex-presidente Lula e encontrado pela Polícia Federal em um cofre do Banco do Brasil?

A notícia apareceu no dia 12 de março de 2016 no Facebook e rapidamente se espalhou pelas demais redes sociais. De acordo com o texto, acompanhado de uma foto, um dos itens encontrados no cofre da família de Lula no Banco do Brasil foi um faqueiro de ouro que Rainha da Inglaterra teria dado ao presidente do Brasil Costa e Silva – juntamente com um automóvel Rolls Royce, em 1968!

Verdade ou Mentira?

O suposto “achado” da Policia Federal foi investigado pelos atentos membros do nosso grupo no Facebook. A conclusão final é que a “notícia” é falsa!

Em primeiro lugar, o Rolls Royce oficial do Governo foi doado por Assis Chateaubriand a Getúlio Vargas, em 1952 e a Rainha da Inglaterra Elizabeth II visitou o Brasil anos depois, em 1968 (quando foi, inclusive, recebida e desfilou no veículo na ocasião).
Além disso, na lista de itens encontrados pela Polícia Federal no cofre da família do ex-presidente não há nenhum faqueiro de ouro. Isso nós podemos conferir facilmente na relação disponibilizada através da Informação Técnica número 004/2016 da Superintendência Regional do Estado do Paraná, clicando aqui!

Mas, e o faqueiro de ouro?

Quem criou esse boato teve que achar um faqueiro dourado para ilustrar a sua história, né? Para isso, essa pessoa roubou a foto de um faqueiro publicada em um blog em 2012! O blog Excelente Presentes explicou, em 2012, que o faqueiro da fotografia é apenas banhado a ouro e não “de ouro”: Curiosamente, a fotografia do faqueiro banhado a ouro é mais antiga ainda. Podemos ver que ela foi retirada de um anúncio do site QueBarato, de 2009. Na época, a caixa com os utensílios (52 peças) estava sendo anunciada como usada pelo preço de R$1.900. Esse mesmo rumor continuou a se espalhar pelo Facebook, mas com uma fotografia diferente. Nessa nova versão, o “faqueiro de ouro roubado por Lula” é ilustrado pela foto abaixo, que foi surrupiada do site do leiloeiro Mozart Melo. Trata-se de um faqueiro coreano banhado a ouro:

Conclusão:

O faqueiro de ouro que teria sido encontrado no cofre da família do ex-presidente Lula pela Polícia Federal é, na verdade, uma invenção criada no Facebook que se espalhou rapidamente através das redes sociais.

Posted in Ex-Presidente Lula at abril 4th, 2016. No Comments.

Tiririca é citado na Lava Jato? Verdade ou Mentira?

tiririca-e-citado-no-lava-jato-verdade-ou-mentira

Rumores contam que Tiririca foi citado na operação da Polícia Federal, Lava Jato, isso é verdade ou mentira?

Essa notícia vem circulando nas redes sociais desde que a delação premiada de Delcídio do Amaral foi colocada para mídia junto com uma gravação em áudio de uma conversa com o Ministro da Educação, Aloísio Mercadante.
Vale salientar que a notícia foi vinculada primeiramente por um site chamado “A Folha Brasil”, o qual contém dezenas de notícias falsas, como: “Cervejaria Itaipava pagou a Lula cachê menor que o da Verão…”, “Nós vamos matar muitos coxinhas no domingo – ameaça do MST”,”Filha de Fabio Jr viciada em masturbação aos 11 anos”… dentre outras aberrações que nem citaremos aqui, pois são inverídicas. O site também tenta ludibriar os leitores como “AFolha” para dar a imprensão que foi o jornal “Folha de São Paulo”.

Com certeza tudo não passa de uma brincadeira, de muito mau gosto, de um site que foi criado apenas para divulgar notícias falsas.

Conclusão:

Tiririca não foi mencionado em qualquer esquema de corrupção, nem muito menos é investigado, até onde sabemos, pela Polícia Federal nesta operação “Lava Jato”.

Muito cuidado ao compartilhar notícias sem ao menos conhecer a fonte delas. Sabemos que existem vários sites de humor que brincam com notícia séria, porém a grande maioria deles, em seu rodapé, avisa aos visitantes que o website contém apenas informações de humor.

Posted in Tiririca É Citado No Lava Jato at março 31st, 2016. No Comments.

16 governadores lançam apoio à Dilma contra o impeachment, verdade ou mentira?

16-governadores-lançam-apoio-a-dilma-contra-o-impeachment-verdade-ou-mentira

Nesta segunda-feira começou a divulgação de uma notícia em que 16 governadores estavam apoiando Dilma contra o impeachment. Será isso verdade ou mentira?

A publicação foi compartilhada por milhares de pessoas no Facebook e Twitter. A grande maioria destes compartilhamentos são de usuários da internet que são, segundo eles, contra o golpe. Analisamos se é verídico essa informação ou não e podemos constatar que é verdade, porém o apoio foi em dezembro de 2015, antes de serem divulgados as interceptações nas ligações do ex-presidente Lula com Dilma.

Na oportunidade os governadores se reuniram no Planalto no dia 08 de dezembro de 2015 e juntos realizaram uma carta aberta para população onde o conteúdo se mostrava contra o impedimento da presidente.Atualmente as coisas mudaram de figura. Dois partidos já deixaram a base aliada do Governo, além do PMDB, maior força do política para o PT, já sinalizar que deixará a situação no final deste mês.

O Presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB), disse a interlocutores que não tem condições de barrar o afastamento da presidente Dilma Rousseff do cargo caso a Câmara dos Deputados tome essa decisão. Segundo Calheiros, haverá uma “onda” que certamente resultará na cassação da presidente.

 
Conclusão

A notícia é verdadeira, porém é de uma data retroativa. Hoje o patamar está totalmente diferente.

Posted in Apoio A Dilma Contra O Impeachment at março 30th, 2016. No Comments.

Mr. Catra e a dificuldade em separar a verdade da mentira nas redes sociais.

mr-catra-e-a-dificuldade-em-separar-a-verdade-da-mentira-nas-redes-sociais

O perfil oficial do funkeiro disse que tinha passado por uma cirurgia de vasectomia. Uma pegadinha que enganou muita gente.
As redes sociais nos deixam com os dedos nervosos. Temos a necessidade de compartilhar antes de todo mundo aquela história sensacional. A tarefa de verificar se é verdade ou não costuma ficar em segundo plano. A falsa história sobre a vasectomia do Mr. Catra, personagem conhecido por sua contribuição ao povoamento da terra, é um dos mais recentes exemplos deste “fenômeno”.

Mr. Catra participou de uma pegadinha com o comediante Mauricio Meirelles chamada de Facebullying. Nela, Meirelles entra na página da pessoa no Facebook e começa a publicar algumas bizarrices, assim como estabelecer diálogos constrangedores com contatos desavisados. Na apresentação da última segunda-feira (25), o comediante postou na página do Mr. Catra a seguinte mensagem:
“Chegou o momento! Depois de 32 filhos, 4 netos e nenhum bisneto ainda, precisei tomar uma atitude. Hoje fiz vasectomia! Sei que as pessoas não vão gostar dessa ideia, mas achei necessário!”

Mr. Catra disse que saiu da apresentação de Meirelles e foi para um show. A bateria do celular acabou – até ele sofre com esses problemas de gente comum – e o cantor não corrigiu a informação em seu perfil. Foi o suficiente para que a notícia se espalhasse pelas redes sociais e depois chegasse às páginas de diversos veículos. No início da tarde de hoje (26/01), Mr. Catra esclareceu que se tratava de uma brincadeira.

 

 
Pasteurização do Facebook

 

É injusto colocar a culpa apenas nos “internautas” neste caso. Sites confiáveis reproduziram a notícia como verdade tendo em vista que se tratava do perfil oficial do cantor. Há aí uma discussão jornalística que este blog não pretende abordar. De qualquer forma, o caso de Mr. Catra é apenas mais um dos factoides que circulam pelas redes sociais e ganham status de verdade. É um efeito colateral do que chamo de “pasteurização do Facebook”, na falta de uma expressão melhor.
A rede social criou uma ferramenta bastante eficiente para compartilhar conteúdo, com um design bonito e padronizado. Assim, a notícia vinda de um jornal de notícias reais ou de um site como o Sensacionalista, por exemplo, aparece mais ou menos da mesma forma em nossos perfis. Cabe aos consumidores de informação estabelecer o que é verdade, o que é humor, o que é mentira, o que é teoria da conspiração etc. Só que, normalmente, são justamente as histórias mais absurdas que ganham mais engajamento, com comentários e curtidas. Assim, o sistema do Facebook, que escolhe o que a gente vai ver em nossos perfis, passa a priorizar aquela informação falsa em detrimento de uma notícia real.

Quando compartilhamos algo apenas lendo o título e a foto, quando não nos preocupamos em saber se aquele site é confiável, é de humor ou tem como única função espalhar inverdades nas redes sociais, estamos correndo alguns riscos. Na melhor das hipóteses, o risco de passar vergonha na frente de quem sabe que aquela informação não é verdadeira. Na pior, contribuir para que aquela mentira dita milhões de vezes se torne uma verdade, fazendo com que a vítima sofra com as consequências da boataria.

A pegadinha do Mr. Catra é só engraçada. Ele é um personagem. Mas e quando esses nossos dedos nervosos estão compartilhando informações falsas com potencial para destruir a vida de alguém? Lembram do caso da Fabiane Maria de Jesus, do Guarujá, litoral de São Paulo? Ela foi espancada até a morte depois de um boato nas redes sociais que dizia que ela fazia magia negra envolvendo crianças. Fabiane era inocente.

São dois casos extremos, incomparáveis em quase todos os aspectos. Há um ponto em comum, porém: os dedos nervosos dispostos a compartilhar qualquer coisa no Facebook. Da próxima vez, não custa nada acalmá-los e verificar se aquela informação é, de fato, verdadeira.

Verdade ou Mentira? Que Alexandre Nero foi afastado da Globo após seu posicionamento a favor de globais que apoiam o governo?

verdade-ou-mentira-que-alexandre-nero-foi-afastado-da-globo-apos-seu-posicionamento-a-favor-dos-globais-que-apoiam-o-governo

Como todos sabem, muitas notícias estão sendo compartilhadas, tanto pró-governo como anti-governo. Nunca nessa história deste país foram criados tantos sites em tão pouco tempo, falando sobre política e muitas tratando sobre a crise do governo e lava jato. É inevitável ver que muitos adoradores de informações midiáticas, querem pegar carona nesta crise política do país, para ganharem dinheiro com quantidade de acessos.
Recentemente, o ator Alexandre Nero, protagonista da novela Império e recentemente “A Regra do Jogo”, fez declarações que os artistas e funcionários da rede Globo não são obrigados a concordarem com o posicionamento político da emissora.

Desde segunda-feira (21), alguns sites estão divulgando que o ator foi afastado da Rede Globo por um ano. A notícia saiu primeiro no site http://varelanoticias.com.br/ , e está sendo compartilhada por diversos veículos de comunicação e também nas redes sociais.

Vale salientar que nem o ator, nem a emissora, emitiu recentemente qualquer comunicado oficial sobre o caso.

De acordo com o site Notícias da TV, em uma publicação de 22 de fevereiro deste ano, ou seja, muito antes dessa grande onda de manifestações e até da fala de Nero em sua rede social, o site já divulgava que o ator iria ficar um ano afastado. O motivo da dispensa deve-se à jornada intensa de trabalho que o ator teve nos últimos dois anos. Durante esse tempo, ele emendou Além do Horizonte, em 2013, com a novela Império no ano seguinte e, logo em seguida, mesmo tendo ficado marcado pelo comendador, Nero foi escalado para protagonizar A Regra do Jogo, em que vive o personagem Romero.

CONCLUSÃO

Alexandre Nero irá se afastar da Globo por um ano, mas não teve nada a ver com suas declarações sobre o posicionamento da emissora. Ele apenas declarou estar cansado dos trabalhos exaustivos devido emendar vários trabalhos na emissora.

Posted in Verdade Versus Mentira at março 28th, 2016. No Comments.

Verdade e Mentiras Sobre Diabetes.

A manifestação mais comum do diabetes, o chamado diabetes tipo 2, responde por 90% dos cerca de 370 milhões de casos mundiais da doença. E é esse tipo de diabetes que tende a afetar cada vez mais pessoas por estar relacionado diretamente ao estilo de vida moderno, que muitas vezes combina sedentarismo com má alimentação.

Apesar da ampla disponibilidade de informações a respeito da doença, ainda existem muitas dúvidas sobre a maneira correta de controlar o diabetes, o momento adequado para visitar o médico, a eficácia dos medicamentos e o impacto do diabetes na qualidade de vida dos pacientes.

Confira a seguir os 7 mitos mais comuns sobre o diabetes tipo 2 constatados em uma pesquisa desenvolvida pela MEDIMIX Internacional, encomendada pela Janssen, com 425 pacientes em 5 países da América Latina: Brasil, Colômbia, México, Argentina e Guatemala.

verdade-e-mentiras-sobre-diabetes
Mito 1 – Se não houver sintomas, o diabetes está controlado

O diabetes tipo 2 pode não apresentar sintomas físicos, mas isso não significa que esteja sob controle. O monitoramento constante da glicose no sangue é a única forma de certificar-se de que o diabetes está controlado.

Mito 2 – Pessoas com diabetes não podem comer doces e chocolates

Se for incluído como parte de uma dieta saudável ou combinado com exercícios, os doces, chocolates e outras sobremesas podem ser consumidos por pessoas com diabetes. O segredo é restringir seu consumo a pequenas porções e reservá-los apenas para ocasiões especiais.

Mito 3 – Os medicamentos orais disponíveis no mercado são todos iguais

O tratamento para o diabetes pode ser diferente de paciente para paciente, não só pelo tipo da doença, mas pelas diferenças específicas de cada medicamento, como sua apresentação, componentes, dose requerida e mecanismo de ação. Existem mais de 20 tipos de insulinas e diferentes tipos de medicamentos orais que funcionam de formas distintas para reduzir os níveis de glicose no sangue. Alguns deles incluem: inibidores do co-transportador sódio-glicose tipo 2 (SGLT2), sulfoniluréias, biguanidas, meglitinidas, tiazolidinedionas, inibidores da DPP4, inibidores da alfa-glicosidase e sequestradores de ácidos biliares. O paciente deve perguntar ao seu médico sobre as diferentes alternativas de tratamentos disponíveis e quais seriam as melhores opções para o seu caso.

Mito 4 – Não há necessidade de conversar com o médico sobre o medicamento prescrito

Cada paciente é diferente, com necessidades específicas que exigem cuidados únicos. O tratamento que serve para um paciente pode não funcionar para o outro. O paciente deve sempre conversar com o seu médico sobre as melhores alternativas de tratamentos disponíveis para controlar seu diabetes tipo 2 e esclarecer com ele qualquer dúvida que possa ter. Se apresentar algum efeito colateral, reação adversa, ou se não vir resultados em relação à redução dos sintomas da doença, o paciente deve discutir essas questões com o seu médico para que juntos encontrem o tratamento mais adequado.

Mito 5 – Os medicamentos causam impacto no meu peso

Em pacientes com diabetes, controlar o peso é um fator importante do plano integral do cuidado do diabetes. Quando usado de acordo com as indicações, os medicamentos orais para controlar o diabetes tipo 2 podem ajudar os pacientes a atingir o peso indicado pelo seu médico. Os medicamentos não funcionam sozinhos. Se o número de calorias consumido for superior ao que o corpo do paciente precisa e, além disso, se ele não realizar alguma atividade física, as células do organismo recebem mais glicose do que é necessário e esse excesso tende a acumular-se em forma de gordura.
Mito 6 – Os medicamentos para controlar o diabetes podem danificar os meus olhos e rins

Isso é uma crença muito comum. O surgimento de complicações da doença muitas vezes coincide com a prescrição de medicamentos orais ou insulina. Isso não é causado pela utilização dos medicamentos, mas pelo tempo prolongado em que os níveis de glicose fora de controle afetaram diferentes órgãos do corpo do paciente. As novas gerações de tratamentos disponíveis, usados sob indicação e supervisão de um médico qualificado, proporcionam importantes benefícios como a prevenção da progressão e complicação do diabetes no corpo do paciente.

Mito 7 – A medicina alternativa, o exercício e a dieta podem substituir os medicamentos prescritos pelos médicos

A medicina alternativa como chás, ervas e sucos nunca substituirão os tratamentos prescritos pelos médicos. Embora seja verdade que algumas dessas substâncias podem ajudar a reduzir os níveis de açúcar no sangue, nem todas as terapias alternativas são eficazes e seu uso pode aumentar o risco de complicações do diabetes. É importante manter uma dieta saudável, fazer exercício físico regularmente, medir os níveis de glicose e seguir o tratamento indicado pelo médico. É importante que o paciente fale com esse profissional se estiver pensando em incluir algum tipo de medicina alternativa como parte do tratamento.

Posted in Diabetes at março 3rd, 2016. No Comments.

Verdade ou Mentira? O Que Fazer Para Se Livrar Da Caspa?

verdade-ou-mentira-o-que-fazer-para-se-livrar-da-caspa

Muita gente acha que lavar a cabeça todos os dias causa a indesejada caspa, mas será que é verdade?

A caspa, na verdade, é uma inflamação das células do couro cabeludo. Ela não é contagiosa e pode ser causada por diversos fatores como genética, estresse, consumo de álcool, açúcar e gordura, clima seco e disfunção hormonal.

A caspa ainda não tem cura, mas mudando alguns hábitos você consegue mantê-la sob controle. Vamos ver o que é mitos e o que é verdade:

 
Mentira

 
A caspa é uma doença? Isso é mentira, a caspa não é uma doença é um estado do couro cabeludo.

Lavar a cabeça todos os dias causa a caspa? Isso é mentira, na verdade lavar a cabeça todos os dias faz parte do tratamento.

Compartilhar o pente causa caspa? Mentira, a caspa não é contagiosa.

A caspa causa queda de cabelo? Também é mentira, mas a caspa contribuir para o aumento da queda de cabelo caso a pessoa já sofra disso.

Sucos de tomate e limão combatem a caspa? Mentira, essas teorias ainda não foram provadas cientificamente e podem causar problemas sérios de saúde.

 
Verdade

 
Banhos muito quentes e demorados podem irritar o couro cabeludo e provocar a caspa.

Usar muito boné pode contribuir para o aparecimento da caspa. Tudo o que impede a respiração do couro cabeludo pode causar a caspa.

Eucalipto ajuda a controlar a coceira no couro cabeludo. Essa planta é conhecida por suas propriedades antimicrobianas e anti-inflamatórias desde o século XVIII.

Os xampus anticaspas vendidos nos supermercados podem sim reduzir a caspa moderada. Mas as crises mais intensas devem ser tratadas com medicamentos e com acompanhamento médico.

Se você sofre com a caspa tente lavar a cabeça todos os dias com água morna ou fria e use xampu anticaspa. Caso suas crises sejam mais intensas e a simples lavagem não resolva, não tente receitas milagrosas, procure um dermatologista e siga o tratamento correto para não causar lesões no couro cabeludo como alergias e até queimaduras.

Mas se você não tem predisposição, não se preocupe e também não tente se tratar sem motivo. A saúde dos cabelos também é coisa séria.

Posted in dos Cabelos at fevereiro 25th, 2016. No Comments.