Mulher viajou para apoiar Lula, perdeu o emprego e pede doações para voltar? Verdade Ou Mentira?

A notícia apareceu em diversos sites e blogs no dia 12 de maio de 2017 e se espalhou através de diversas postagens nas redes sociais. Em algumas postagens – como essa, por exemplo – o assunto rendeu mais de 2 mil curtidas, além de milhares de compartilhamentos.

De acordo com o texto, uma fã do PT teria viajado 60 horas da Bahia até o Paraná para apoiar o ex-presidente Lula, no dia 10 de maio de 2016, e acabou ficando desempregada, sem dinheiro para pagar a passagem de volta e ainda teve que vender uma moto para arcar com as despesas da ida.

Nena, a mulher da notícia, tem 48 anos de idade (segundo o que diz na reportagem) e teria dito aos repórteres que se conseguisse arrecadar dinheiro para voltar para casa, iria ficar muito feliz e talvez ainda faça uma nova tatuagem com o nome de Lula!

 

Será verdade que uma mulher viajou 60 horas para apoiar Lula durante seu depoimento, mas perdeu o emprego e agora pede doações para voltar para casa?

A notícia apareceu em diversos sites e blogs no dia 12 de maio de 2017 e se espalhou através de diversas postagens nas redes sociais. Em algumas postagens – como essa, por exemplo – o assunto rendeu mais de 2 mil curtidas, além de milhares de compartilhamentos.

De acordo com o texto, uma fã do PT teria viajado 60 horas da Bahia até o Paraná para apoiar o ex-presidente Lula, no dia 10 de maio de 2016, e acabou ficando desempregada, sem dinheiro para pagar a passagem de volta e ainda teve que vender uma moto para arcar com as despesas da ida.

Nena, a mulher da notícia, tem 48 anos de idade (segundo o que diz na reportagem) e teria dito aos repórteres que se conseguisse arrecadar dinheiro para voltar para casa, iria ficar muito feliz e talvez ainda faça uma nova tatuagem com o nome de Lula!

Junto com a matéria, uma foto mostra uma moça vestindo uma camiseta vermelha.

Será que essa notícia é real?


Verdade ou Mentira?
A “reportagem” é confusa e cheia de erros de digitação. Além disso, só aparece em sites e blogs “da zoeira”… Claramente se trata de uma brincadeira…

A moça que aparece na foto que ilustra essa notícia não se chama Nena e tampouco “Patrícia” (é que, no meio da notícia, o nome da mulher muda para “Patrícia”). Podemos ver que ela não aparenta ter 48 anos e uma busca na web revela que quem inventou essa história usou uma fotografia de um protesto contra o afastamento da então presidente Dilma Rousseff, em maio de 2016! Na ocasião, 28 mulheres se acorrentaram às grades de contenção instaladas no Palácio do Planalto, em Brasília.

A mulher que aparece na fotografia se chama Juliana de Souza e não viajou da Bahia até o Paraná! Ela foi uma da militantes que se acorrentaram, durante o protesto, em 2016.

Conclusão
A notícia de uma mulher que teria viajado 60 horas para apoiar Lula e estaria sem emprego e sem dinheiro para voltar para casa é falsa!