Dá primeira carga nas baterias de íons de lítio de celular, notebook ou tablet é necessário? – Verdade ou mentira?

[adrotate banner=”5″]

Um estudo publicado em 2010 pela Battery University (em inglês) demonstra que as baterias de íons de lítio, as mais comuns atualmente, simplesmente param de carregar quando estão cheias. Isso é: para esse tipo de bateria, que está presente em praticamente todos os celulares, notebooks e demais equipamentos eletrônicos modernos, não faz diferença estar ou não conectada à rede elétrica quando a carga for 100%.

Esse estudo confronta uma situação conhecida dos compradores de equipamentos eletrônicos: a orientação dos vendedores para que a carga inicial da bateria seja mais longa do que as demais. Além disso, vai de encontro à idéia dos usuários de laptops que retiram a bateria do equipamento quando estão conectados à tomada.

Ainda de acordo com o estudo de 2010, o tempo de vida médio dos componentes é de três a cinco anos e o que mais desgasta as baterias é a exposição ao calor, sendo o pior cenário possível manter uma bateria 100% carregada sob altas temperaturas.

Fala consumidor

“Que eu saiba a primeira carga é de 12 horas, mas da última vez que eu comprei um notebook ninguém falou nada. O vendedor do primeiro computador não explicou o motivo, só disse que eu tinha que dar a carga inicial de 12 horas”, diz Daniel Gomes, 25, analista administrativo.

A estudante Lorena Farias, 23, também recebeu uma orientação específica, seguida até hoje nos seus equipamentos: “sempre deixei oito horas carregando. Pior é que alguns vendedores me fizeram essa recomendação”.

Recomendação semelhante também foi dada ao estudante Victor Carvalho, 22. “Tanto na compra do celular quanto do notebook o vendedor me orientou a dar uma carga inicial de oito horas”, afirma.

Nos três casos, a orientação do vendedor foi equivocada.

Leave a Reply

*