Saúde dos dentes – Mitos sobre escova de dente, fio dental, escovação e limpeza bucal

[adrotate banner=”5″]

À medida que saem novos estudos sobre tratamento e prevenções de doenças, a conscientização sobre saúde bucal cresce. Muitas pessoas seguem à risca sua rotina de higiene diária. Acabam de comer e logo vão escovar os dentes para garantir que não sejam devorados pelas cáries. Claro que é preciso caprichar na quantidade de pasta de dentes, afinal, quanto mais, melhor. E para fechar com chave de ouro a escova precisa ter as cerdas bem duras para limpar de verdade.

Caso você tenha se identificado com esse passo a passo, saiba que pelo menos três detalhes fazem toda a diferença para garantir um sorriso saudável. As dúvidas vão muito além da escovação, como enxaguante bucal, cremes dentais clareadores, alimentos que podem prejudicar os dentes.

Para esclarece de uma vez por todas os mitos e verdade em torno da saúde bucal o cirurgião-dentista, Hugo Lewgoy, professor da Uniban, selecionou algumas dúvidas mais frequentes dos pacientes. “Alguns detalhes imprescindíveis podem prevenir ou erradicar a cárie e evitar outras doenças periodontais (que afetam as gengivas),” diz Lewgoy.

Escova dura limpa melhor

Mito. Escovas com cerdas duras agridem aos dentes e a gengiva. A escova mais indicada deve ser ultramacia e com grande quantidade de cerdas, que limpam melhor sem agredir o esmalte dos dentes e a gengiva.

Escovar os dentes imediatamente logo após as refeições

Mito. Deve-se esperar, no mínimo, 30 minutos para escovar os dentes. É o tempo necessário para que a saliva possa agir e neutralizar o Ph dos alimentos e bebidas. O café, o vinho, o refrigerante e o suco de laranja, por exemplo, têm pH inferior a 5,0. Portanto, são ácidos e causam erosão, ou seja, perda da estrutura dental (cálcio).

Usar grande quantidade de pasta dental

Mito. A escova com pasta dental desgasta mais o esmalte do que a escova sem pasta. Ela, na verdade, é desnecessária. No entanto, caso seja utilizada, deve-se usar uma dose pequena, como o tamanho de uma ervilha, por exemplo.

É necessário escovar a gengiva e a língua

Verdade. Desde que seja com uma escova ultramacia para não causar uma retração gengival. Deve-se passar a escova 50% sobre a gengiva e 50% sobre a estrutura dental, em um ângulo de 45º. A língua também deve ser higienizada, pois é nesta região que as bactérias ficam alojadas. A higienização deve ser feita diariamente.

A higienização noturna é a mais importante

Verdade. À noite, quando a salivação diminui, deve-se fazer a escovação mais minuciosa, pelo menos por 10 minutos. No entanto, a língua é o melhor sensor para saber quanto tempo deve-se escovar os dentes. Deve-se passá-la em todos os dentes para sentir qual ponto falta fazer a higienização.

A escova interdental é mais eficiente do que o fio dental

Verdade. O fio é bom para remover detrito alimentar fibroso, como uma carne, por exemplo. Contudo, ele não limpa a região côncava entre os dentes. Por isso, deve-se usar a interdental, pelo menos uma vez ao dia.

Posted in da Boca, do Dentes, Mitos, Saúde, Verdade at setembro 12th, 2012. No Comments.

Verdade ou mentira – Comer chocolate dar espinhas

[adrotate banner=”5″]

Poucos alimentos geram tanta culpa quanto essa deliciosa mescla de cacau e açúcar. Mas não há motivo para tanto sofrimento.
É verdade que, consumida em excesso, a iguaria pode engordar. Mas não é o caso de culpá-la pelas desagradáveis espinhas que insistem em pipocar no seu rosto. “ não está comprovado que chocolate causa acne”, diz a médica dermatologista Márcia Oliveira de Miranda, de Belo Horizonte.

Segundo ela, a doença ocorre por uma predisposição genética que costuma se manisfestar na adolêscencia, quando os hormônios estão em polvorosa. O problema começa com o entupimento do folículo piloso, onde crescem os pelos. Basctérias proliferam, o local inflama e a denada da espinha aparece. Segundo a médica, fatores como ansiedade e estresse podem agravar o quadro, por que estimulam a glândula sebácea a produzir mais óleo. Mas não há evidências da pele.

“Na prática, alguns pacientes observam que a acne piora quando comem certos alimentos. Mas isso não foi comprovado cientificamente”, diz.

Dietas ricas em glicose também estão na mira dos estudos, embora não haja nada conclusivo. Quando ao chocolate, o mais provável é que ele seja um bode expiatório. Pessoas ansiosas jogam a culpa nas caixas de bombons que comem, sem perceber que a ansiedade é que as deixou com cara de Chokito.

A acne surge por causa de fatores genéticos pode ser agravada pelo estresse: o chocolate é so um bode expiatório.

Posted in Padão at julho 29th, 2010. No Comments.