Homossexuais terão cotas em concursos públicos? Verdade Ou Mentira?

Será verdade que um deputado da Bahia criou um Projeto de Lei que estabelece uma cota de 15% dos concursos públicos federais para homossexuais e transexuais?

A notícia apareceu com força no final da primeira semana de abril de 2017 no Facebook e foi um dos assuntos mais compartilhados naquela rede sociais no dia 09. De acordo com o texto da reportagem, o deputado Marquinhos Freire, teria conseguido colocar em pauta de votação o Projeto de Lei estabelece cota de 15% das vagas dos concursos públicos federais para homossexuais e transexuais.

A reportagem ainda afirma que os bissexuais continuam na luta pelo benefício mas ainda não foram contemplados no texto base do projeto. O Projeto de Lei, segundo o artigo, seguirá para votação em abril e já conta com o apoio de 254 deputados federais. A Federação Brasileira dos Bissexuais estaria exigindo que a lei abrace também os bissexuais, que seriam vítimas de preconceito dobrado!

Será que essa notícia é Verdade ou Mentira?


Verdade ou Mentira?
Apesar dessa história se tornar viral em abril de 2017, ela não é tão recente e possui várias características de um boato digital:

Citar nomes de pessoas que não existem;
Usa nomes de instituições para dar mais credibilidade ao assunto;
Não é datada;
Trata de um assunto que atrai muitos leitores;
Não cita fontes;
Em primeiro lugar, uma simples busca pelo deputado Marquinhos Freire no site da Câmara dos Deputados nos mostra que não há nenhum deputado com esse nome!

Além disso, não há nenhum Projeto de Lei com esse tema. Se quem espalhou essa notícia tivesse mostrado o número do PL seria mais fácil da gente achar, né?

Origens:
O site que se encarregou de espalhar essa farsa foi o já conhecido, o Folha Brasil!
Como já mostramos aqui diversas vezes, o Folha Brasil publica inúmeras notícias falsas e/ou não verificadas e, mesmo assim, continua espalhando material que é copiado por diversos outros sites e blogs (que também não verificam as notícias antes de postar).

Como já dissemos lá em cima, essa notícia não é nova! O Folha Brasil não inventou isso, mas copiou um texto de janeiro de 2016 do site humorístico ENFU. Se você analisar o artigo do ENFU, vai perceber que o Folha Brasil apenas copiou o post humorístico e “esqueceu” de avisar que se trata de uma brincadeira…

Conclusão:
A notícia afirmando que um Projeto de Lei prevê cotas de 15% para homossexuais em concursos federais é falsa! Surgiu em um site humorísticos em 2016 e voltou a circular graças a publicações em sites que vivem de publicar notícias falsas!

Pastora que quebrou imagem de santa em SP sofreu uma parada cardíaca? Verdade Ou Mentira?

É verdade que a pastora Zélia Ribeiro sofreu uma parada cardíaca um dia depois de quebrar a imagem de Nossa Senhora Aparecida em Botucatu?

A notícia apareceu em diversos sites no dia 13 de janeiro de 2017, um dia após um vídeo mostrando uma pastora quebrando uma estátua da santa com um martelo causou polêmica na web.

De acordo com o texto que foi bastante compartilhado nas redes sociais, Zélia Ribeiro sofreu uma parada cardíaca em sua casa e foi levada às pressas para hospital municipal de Botucatu.

Passado o susto, a pastora estaria se recuperando da parada cardíaca no hospital e teria se arrependido do que fez!

Será que essa notícia é verdadeira ou falsa?

Verdade ou Mentira?
Todos os sites e blogs que postaram essa notícia usaram como fonte o Portal Atualizado, site que publica inúmeras notícias falsas (muitas delas já desmentidas aqui no E-farsas). Esse mesmo site criou a notícia falsa afirmando que a Grávida de Taubaté teria engravidado de verdade e virado pastora e tantas outras!
Na postagem original, o portal afirma até ter falado com a pastora por telefone, mas a verdade é que não houve nenhuma parada cardíaca!

O site local Acontece Botucatu afirma que a pastora Zélia pediu desculpas por ter quebrado a imagem da santa, mas não mencionada nenhum problema de saúde que ela tenha sofrido.

Também não há em nenhum jornal menção alguma a respeito dela ter sofrido uma parada cardíaca.
Atualização 17/01/2017:
O diretor de redação do jornal Diário Botucatu, Stéfano Garzezi, entrou em contato conosco e confirmou que a pastora Zelia não sofreu nenhum problema de saúde! O jornalista também nos explicou que a cidade de Botucatu tem vários hospitais, inclusive da Faculdade de Medicina da Unesp, sendo referência para mais de 70 cidades da região, mas que nenhum é municipal.

“Os sites propagadores de boatos tem postado que ela [a pastora Zelia Ribeiro] teria sido levada a um hospital municipal! O que é mais uma mentira, uma vez que não temos hospitais municipais em Botucatu!” – disse-nos o diretor de redação do jornal Diário Botucatu, Stéfano Garzezi
Conclusão:
A pastora que aparece em vídeo quebrando uma imagem de gesso de uma santa não sofreu uma parada cardíaca! No dia seguinte à divulgação do vídeo, Zélia Ribeiro deu entrevistas pedindo desculpas pelo ocorrido! A mentira foi desmentida pelos jornais locais!

Posted in Pastora Que quebrou A Imagem Da Santa . at janeiro 17th, 2017. No Comments.